Sua reunião de condomínio não está sendo tão produtiva quanto você gostaria? Essenciais para o bom funcionamento dos condomínios, essas assembleias nem sempre são fáceis de conduzir e muitas vezes o síndico acaba se perdendo.

No entanto, para conseguir superar esse desafio é necessário conhecer as raízes do problema, isto é, entender em que você pode estar errando.

Como essa não é uma tarefa simples de ser executada sozinho, resolvemos dar uma forcinha! A seguir, nós reunimos os maiores erros cometidos pelos síndicos quando o assunto é reunião de condomínio.

Quer saber quais são para nunca mais cometê-los? Continue com a leitura!

 

Saiba qual é a importância de uma reunião de condomínio

Gerir um condomínio é, de fato, uma tarefa complexa. Afinal, lidar com diferentes perfis de pessoas e, ao mesmo tempo, conseguir solucionar reclamações, conflitos, cobranças, conduzindo tudo com diálogo e respeito é um grande desafio.

Nesse contexto, a reunião de condomínio é um importante canal para o diálogo e deliberação sobre assuntos pertinentes ao cotidiano dos moradores.

Mas, saber conduzir essas assembleias é imprescindível para a harmonia no condomínio e um bom síndico deve se manter atento a erros e falhas que possam dificultar o diálogo nesses momentos.

 

4 erros que você pode estar cometendo em seu condomínio

Agora que você já sabe da importância de realizar uma reunião de condomínio produtiva, vamos listar alguns erros cometidos por muitos síndicos e que prejudicam expressivamente a realização dessas assembleias. Acompanhe!

 

1. Não comunicar a data da reunião com antecedência

Com um cotidiano cada dia mais atarefado, é essencial que o síndico comunique e exponha a todos os moradores a data, local e horário em que a assembleia acontecerá.

Essa comunicação deve se dar com certa antecedência, já que é importante que todos possam se programar para participar. Sendo assim, não cometa tal erro e se esforce para manter seus condôminos sempre informados sobre a agenda de reuniões.

 

2. Não ter uma pauta pré-definida para a reunião

Outro erro bastante recorrente é iniciar uma reunião de condomínio sem ao menos ter uma pauta do que será tratado.

Essa situação, além de tornar a reunião pouco produtiva e prolixa, acaba deixando espaço para polêmicas desnecessárias, falta de objetividade e solução para as demandas reais do condomínio.

 

3. Expor os inadimplentes durante a reunião

Ter condôminos inadimplentes é uma situação prejudicial ao condomínio. No entanto, o síndico não pode constrangê-los durante as assembleias.

Situações como essa, além de gerar desconforto, podem ensejar direito a reparação por danos morais. Por isso, resolva essas questões em particular e procure ouvir os motivos para o atraso no pagamento, dando prazo para quitação e mostrando-se aberto ao diálogo.

 

4. Não dar sequência aos temas levantados na reunião

Tão importante quanto conduzir adequadamente a reunião, é dar sequência aos temas que foram levantados durante o encontro. Afinal, de nada adianta iniciar uma discussão e não a solucionar.

Sendo assim, fique atento e observe se você tem se dedicado à solução das demandas após as reuniões ou se os problemas apenas são levantados e esquecidos.

 

Conforme apresentado, muitos síndicos cometem erros antes e durante a reunião de condomínio e essas falhas acabam comprometendo a relação entre os moradores e dificultando a sua gestão. Portanto, agora que você já conhece essas falhas, basta se policiar e evitar cometê-los.

Gostou deste post? Então, compartilhe-o em suas redes sociais e ajude outros síndicos!